A Log-In surgiu da experiência em planejar, gerenciar e operar as melhores soluções para a movimentação de cargas. A Companhia possui uma rede integrada que facilita a movimentação portuária e o transporte porta-a-porta, graças a uma extensa malha intermodal que permite abrangência geográfica com todo o Brasil e o Mercosul.

Com soluções customizadas e uma equipe altamente qualificada, a Log-In é capaz de reduzir os custos logísticos dos clientes, com sua atuação desde o planejamento logístico à efetiva entrega dos produtos.

A Log-In oferece as seguintes vantagens para seus clientes:

  • Redução dos custos logísticos
  • Visibilidade e informação
  • Integridade da carga
  • Confiabilidade
  • Flexibilidade
  • Redução da emissão de CO2 na atmosfera

Os Serviços Intermodais da Companhia compreendem as atividades de:

  • Navegação Costeira: transporte marítimo compreendendo portos localizados na costa brasileira e no Mercosul, integrados com o serviço contratado para transporte rodoviário de curta distância;
  • Terminal Portuário: administração e operação de um terminal portuário de contêineres, o Terminal de Vila Velha (TVV), no estado do Espírito Santo;
  • Terminais Intermodais: operações de terminais terrestres intermodais integrados aos serviços da Navegação Costeira.

A Log-In utiliza uma extensa e integrada malha de transporte que lhe permite atender às principais regiões do Brasil, que representam, em conjunto, 70% do PIB brasileiro, e o fluxo de comércio entre estas regiões, bem como oferecer soluções inovadoras e eficientes para o transporte dos produtos dos mais de 1,5 mil clientes da Log-In, os quais incluem as principais empresas brasileiras e multinacionais com operações no Brasil e no Mercosul.

No Brasil, excluindo o desmatamento das florestas, o setor de transportes é o principal emissor de CO2 na atmosfera, sendo o modal rodoviário o maior responsável por essas emissões. Em um país de dimensões continentais como o Brasil, é possível reduzir consideravelmente, no setor de transporte, os níveis de emissão de gases poluentes. A opção pelo uso racional da malha intermodal, utilizando mais os transportes marítimos (mais indicados para grandes distâncias), contribui, consequentemente, para uma cultura de eficiência ambiental.

 

voltar

topo